Desmistificando o processo seletivo: dicas para conseguir emprego

processo-seletivo-vabo

Neste artigo, quero conversar sobre uma etapa super importante na vida da maioria das pessoas: os tão falados processos seletivos.

A grande tendência que se observa na atualidade é que People Skills sejam cada vez mais levadas em conta nos critérios utilizados por empresas em seus processos seletivos.

Isso acontece porque já se percebeu que muitas pessoas contratadas pelas habilidades técnicas são, em sua maioria, demitidas por questões de atitude ou pela falta de capacidades socioemocionais entendidas como importantes pela empresa, como trabalho em equipe, disciplina, automotivação, dentre outras.

Normalmente, falando-se sobretudo de processos de contratação, o que acontece costuma seguir o padrão de: análise de currículo → entrevista.

Entretanto, percebeu-se que muitas das entrevistas que implementam esse processo são desestruturadas.

Entrevistas desestruturadas acontecem quando o entrevistador não se prepara para a entrevista, o que faz com que o indivíduo em questão torna-se incapaz de fornecer feedbacks substanciais sobre a performance do contratado, de modo que ele não consegue entregar uma bons resultados simplesmente porque não está alinhado às expectativas na hora da contratação.

Processos seletivos híbridos: como funcionam?

No modelo híbrido de contratação, por outro lado, existem outras etapas de avaliação que não envolvem apenas a análise de currículo e entrevistas.

Aqui, normalmente as People Skills são tão importantes quanto as habilidades técnicas.

Quem domina suas People Skills, portanto, tem maiores chances de se sair melhor e entregar alta performance.

Nessas etapas acontecem:

tabela-processo-seletivo

Em todas essas etapas, porém, sejam elas presenciais ou não, é fundamental estar preparado e manter a calma para obter sucesso.

Dicas para ter sucesso em entrevistas de emprego

Agora, falando de dicas específicas para entrevistas:

  1. Prepare-se! Estude a empresa, a vaga e o entrevistador —  é sua responsabilidade e isso mostra proatividade e interesse
  2. Mantenha a calma, respire e mantenha postura
  3. Sorria, cumprimente as pessoas. Seu objetivo é demonstrar entusiasmo e energia
  4. Planeje sua vestimenta, mesmo se a entrevista for feita via call
  5. Chegue com antecedência
  6. Treine seu discurso, em especial para perguntas clássicas: quem é você, quais seus pontos fracos, qual seu diferencial – mas saiba que perguntas mais complexas, que vão te tirar da sua zona de conforto, podem surgir. Nesses casos, preze sempre pela honestidade, mesmo quando você não souber a resposta
  7. Conte suas People Skills através de histórias, e demonstre que teve resultados através daquela situação
  8. Saiba qual é o seu diferencial, e saiba vendê-lo (para isso, inclusive, recomendo que você faça o meu curso de oratória)
  9. Entreviste o entrevistador. Não deixe que a sua entrevista vire um monólogo: dialogue — pergunte sobre as perspectivas da empresa, o entrevistador, o mercado, o negócio, a cultura empresarial…

Processos seletivos são temidos por muitas pessoas, mas são ferramentas necessárias e se estivermos preparados, com certeza alcançaremos resultados satisfatórios.

Gostou deste artigo? Este texto te ajudou de alguma forma? Compartilha com alguém que você acha que vai curtir, ou que passará por algum processo seletivo!

No meu Instagram @vabo23 estou sempre compartilhando os passos mais importantes da minha jornada e trocando ideias sobre people skills, liderança, empreendedorismo e a vida, em geral.

Segue lá e me manda seus desafios por DM! E não esquece de me contar, aqui nos comentários e lá no Instagram, o que achou do texto. Até a próxima!

1 comentário em “Desmistificando o processo seletivo: dicas para conseguir emprego”

  1. Pingback: Desmistificando o processo seletivo: dicas para conseguir emprego - Tetrix

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.