Mentoria surpresa no Além da Facul: como saber se uma ideia é boa?

  • por
mentoria-surpresa

Fiz uma live surpresa pelo Além da Facul, realizando uma mentoria coletiva para auxiliar com algumas dúvidas e discutir temas relacionados a People Skills, empreendedorismo, carreira, dentre outros!

Confira como foi o papo:

Mentoria com seguidores

Nós tivemos alguns participantes que entraram na live para conversarmos sobre seus desafios pessoais:

Gustavo – Fortaleza – CE

É advogado e professor. Ele nos contou sobre suas experiências profissionais e ressaltou a importância de se ter foco, escolher um nicho e acreditar naquilo que você faz.

Está acompanhando todo o nosso conteúdo, principalmente o MBA Fora de Hora, e os temas dos vídeos têm ajudado demais sua equipe de trabalho a desenvolver e otimizar seus resultados.

Eliseo – Manaus – AM

É engenheiro civil e está em um momento de transição de carreira: ele quer ir para a área de vendas.

O primeiro passo indicado foi estabelecer um objetivo – neste caso, atuar na área de vendas. Em seguida, indiquei segmentar qual será o tipo de vendas (B2B, B2C, etc.). Depois, descobrir quais habilidades será necessário desenvolver para atuar nesta nova profissão, levando em conta as habilidades técnicas e comportamentais.

Vale também conversar com pessoas que já passaram por este processo e tiveram sucesso. Aproveitei para indicar o perfil do Thiago Concer.

Tamiris – Salvador – BA

Como reestruturar o negócio em um momento de alteração de persona?

As pessoas acabam seguindo apenas quem está no topo, mas muitas vezes quem está na caminhada tem condições – e até mesmo mais conteúdo – para “mentorar” quem está nos níveis mais baixos.

Indiquei encontrar o porquê e como isso acontece e criar rapport, que nada mais é do que a habilidade de criar conexão com uma outra pessoa para ouvir dela as informações importantes. Criar um roteiro de perguntas, que seja flexível.

Tamiris resumiria a dor do seu público como: as pessoas estão com muitos sonhos, mas acabam desistindo por falta de planejamento. A sua proposta é ser alguém que pega na sua mão e te mostra o caminho para descobrir seu sonho. Atualmente é uma jornada de encontros individuais.

Sugestões para monetização: fazer em grupo e implementar um modelo de assinatura para que isso ocorra de forma recorrente.

Perguntas para a mentoria

Recebemos também algumas perguntas de quem estava participando da live:

Como persuadir o entrevistador na entrevista de emprego?

Dica principal: entrevistar o entrevistador.

Fazer perguntas inteligentes sobre a empresa e a vaga, estabelecer um diálogo. Antes, fazer uma boa lição de casa sobre a empresa e quem vai realizar a entrevista, e estar preparado.

Existe um artigo completo a respeito aqui no blog, aproveita para conferir!

Como começar um empreendimento?

O primeiro passo é identificar um problema, uma dor ou necessidade e encontrar uma solução para resolvê-la.

Em seguida, trabalhar o mindset empreendedor e as características técnicas e comportamentais que são fundamentais para o empreendedor.

É importante também encontrar um sócio que tenha habilidades complementares às suas, mas que compartilhe dos mesmos valores, princípios e visão de futuro.

Até quando conhecimento é vantagem, e não overqualified?

O conhecimento é algo que você obtém e fica com você por toda sua vida.

Contudo, o conhecimento precisa ser colocado em prática para virar uma habilidade. Ele não é garantia de habilidade ou atitude se você não executar.

Como definir uma iniciativa de negócio mais promissora?

É aquela que você consegue identificar uma dor, ouvir o cliente, estar em contato constante e observar como ele usa o produto ou serviço, obter feedback e insights e tomar decisões com base nisso.

É importante ter um método para que isso ocorra de maneira estruturada. Vale utilizar o MVP (mínimo produto viável) para usar como parâmetro e obter essas informações

Qual melhor forma de testar uma ideia, começar simples e ajustar ao longo do tempo?

Recomendo a ferramenta Design Thinking, um método adaptado para os empreendedores. Ele possui cinco etapas:

  1. Identificação: Se colocar no lugar do seu principal cliente, pensando com a cabeça dele, o coração dele e ver que tipo de dor, necessidade e problema ele possui

  2. Definição do problema: Ao identificar quais são os problemas encontrados, selecionar aquele que você trabalhará para resolver

  3. Ideação: Dicas de como fazer a solução

  4. Prototipação: Fazer um protótipo simples, eficiente e barato

  5. Validação e implementação: Testar com o público e pegar o feedback

Como saber se uma ideia é boa?

Descobrindo se a ideia faria alguém tirar dinheiro do bolso por ela. Se alguém estiver disposto a pagar por ela, é boa. Mas você pode aprimorar para deixá-la excelente e valiosa.

Como organizar um projeto que está na gaveta para apresentar a investidores?

Encontrar quais são os gaps, analisar, benchmarking, concorrentes, clientes, produto, serviço, modelo de negócios, canais de vendas, estrutura de custos, time, plano de ação.

Analisar se todos esses itens estão de acordo e revisados. Ir para rua e validar as hipóteses.

Como construir uma persona?

A persona é a representação do universo de clientes.

Logo, é necessário identificar as variáveis demográficas (classe social, gênero, etc.) e as variáveis comportamentais. Assim você estabelece a “ persona” que vai ser “a cara do negócio”, ou seja, a correspondente da comunicação com aquele público específico.

Esse artigo te ajudou?

No meu Instagram @vabo23 estou sempre compartilhando os passos mais importantes da minha jornada e trocando ideias sobre Educação, people skills, liderança, empreendedorismo e a vida, em geral.

Segue lá e me manda seus desafios por DM que tentarei te ajudar!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.