Como empreender: 3º dia da Builders Week com depoimento de aluna

  • por
como-empreender-builders-week-depoimento

Fiz uma live pelo Além da Facul, no terceiro dia da Builders Week. A convidada, Isabela Soto, é uma arquiteta que gerencia há cinco anos seu escritório de arquitetura, aberto assim que ela se formou.

A decisão de empreender começa com um sonho

Ela sempre sonhou em ter uma loja e imaginava até como gostaria que fosse fisicamente. Isabela sempre viajou bastante a trabalho, acompanhando eventos e feiras internacionais e descobrindo tendências mundiais. Nessas ocasiões, aproveitava as oportunidades, buscava conhecer pessoas e trocar ideias e experiências.

Algo que sempre chamou sua atenção é o fato de que muitas peças interessantes e que são tendência no exterior acabavam não chegando no Brasil, principalmente por conta da dificuldade logística de trazer itens grandes, como móveis e peças de decoração.

Sempre buscando inovação, ela esteve no ano passado em Paris, na feira “The Maison & Objet”, e essa ideia se tornou ainda mais latente.

Até que, durante a pandemia, seu o marido viu o anúncio do curso Build Your Business, do Além da Facul, e os dois resolveram fazê-lo. Já no primeiro módulo, Isabela começou a ter insights e resolveu abrir uma loja online ao invés da loja física com que sempre sonhava.

Para isso, considerou o exponencial crescimento do e-commerce e a vantagem de atender todo Brasil, e não apenas um determinado público local, que é uma limitação da loja física.

Assim nasceu a loja A Casa Nórdica.

Empreender é ser apaixonado pela dor dos seus clientes

No nosso bate-papo, ressaltei a importância de se identificar uma dor, quem são as pessoas que têm essa dor e, com isso, empreender. Ela fez muito bem em já colocar em prática o que estava aprendendo no curso. Muitas pessoas pecam ao absorver o conteúdo e não colocar em prática, ou até mesmo não concluir os cursos iniciados.

Ela contou sobre a importância de ser resiliente, uma das people skills mais importantes para quem está começando a empreender. Sempre surgia um obstáculo diferente e muitas vezes ela pensou em desistir por conta deles, mas, sabendo que era parte de um propósito, ela respirava fundo e seguia determinada, com disciplina, e foco.

Outra coisa importante foi determinar uma data de lançamento para o projeto, pois assim ela estava se comprometendo a não parar até que tudo estivesse pronto para atender ao prazo estabelecido.

Logo no primeiro dia de lançamento, ela já obteve uma venda online. Essa é a importância de trabalhar duro para colher os resultados.

O empreendedor nunca está 100% pronto para iniciar uma jornada. O primeiro passo é sempre o mais difícil e o importante é começar: dar uma chance a si mesmo, se capacitar, e colocar em prática o aprendizado. 

Desafios para empreender

Hoje, os desafios dos negócios são, principalmente, relacionados a entrega. Muitas vezes é mais demorada a logística dentro do Brasil do que para a mercadoria chegar do exterior para o centro de distribuição em Curitiba – PR. É um gargalo que ela enfrenta e percebe que outras empresas enfrentam o mesmo.

Atualmente, Isabela importa de diversos fornecedores, principalmente China, Alemanha e Singapura. 

Conselhos para quem quer abrir loja online

    1. Plataforma – Assinar uma que te dê o maior suporte possível, para atender o que você deseja e necessita

    2. Marketing Digital – Hoje, 80% das vendas da loja são atreladas ao Instagram; é fundamental ter uma boa divulgação nos canais disponíveis

    3. Confiabilidade – Vender algo que você acredite, goste e entenda para falar com propriedade e passar confiança ao seu cliente

Quando trazer mais gente para o jogo

Atualmente o tempo de Isabela tem se dividido igualmente entre o escritório de arquitetura e a loja online, mas ela sabe que, para fazer a loja crescer, precisará de atenção e uma boa rede de apoio. Por isso, já está pensando nas contratações que fará para setorizar as atividades, como SAC, financeiro, etc., mas não abre mão de fazer a escolha das peças, pois isso é justamente o que ela quer manter, que as peças ofertadas tenham seu olho clínico de arquiteta.

No início do, projeto tomos o “euquipe”. O empreendedor faz de tudo um pouco para que possa dar o pontapé inicial. Posteriormente é necessário delegar essas funções para que as coisas possam crescer e você não se torne o gargalo de crescimento da empresa.

Ela é a única sócia da empresa. Atualmente, o SAC é terceirizado, mas ela está fazendo uma contratação para que seja efetivo.

Automatização

Atualmente é um ponto crucial. Tudo que você puder, automatize, a fim de liberar p tempo para focar na estratégia, na gestão do time, inovar e ter criatividade. 

Dicas do Vabo para empreender:

  1. Antes de iniciar a venda, faça com que o cliente já tenha uma experiência positiva com sua empresa. É importante ter uma área que faça isso de forma proativa, e não somente dar o suporte ao cliente quando ele acioná-lo. Busque um funcionário para essa função, que tenha o perfil de servir e encantar o cliente

  2. Seja apaixonado pelas soluções e por resolver as dores do seu cliente, evitando ficar apegado ao produto e se abrindo a possíveis mudanças, entendendo sempre o que o cliente quer

  3. Contrate pessoas que tenham o perfil e se identifiquem com a Cultura que você quer implantar na sua empresa

Processo de naming

Quando Isabela começou o processo de pesquisa das peças, sentiu afinidade com os produtos que tinham estilo nórdico, por isso resolveu dar este nome para sua loja. Como já havia um domínio “Casa Nórdica”, que era um blog, optou por colocar “A Casa Nórdica”.

Influência de terceiros 

Inicialmente, o marido de Isabela não dava muito apoio à ideia da loja física. Durante o curso, ele mudou completamente a mentalidade ao ver as possibilidades com o e-commerce. O apoio dele foi fundamental para auxiliar na execução das coisas, especialmente no início do projeto.

Outro ponto destacado por ela foi a criação de seus pais, que sempre deram apoio e incentivaram suas empreitadas.

Mensagem final da Isa:

A palavra é AÇÃO.

Agir e dar o primeiro passo. Fazer as coisas se moverem. Nenhum investimento é sem retorno. Se você teve uma experiência ruim, você está aprendendo algo, mesmo que seja o que não fazer.

No meu Instagram @vabo23 estou sempre compartilhando os passos mais importantes da minha jornada e trocando ideias sobre Educação, people skills, liderança, empreendedorismo e a vida, em geral.

Segue lá e me manda seus desafios por DM que tentarei te ajudar!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.